Por não ousar novas formas de Democracia, Estado e Economia; e por não enfrentar articuladamente capitalismo, patriarcado e racismo, ela tem sido incapaz de deter a ofensiva brutal do sistema. Por Boaventura de Sousa Santos (Fonte: Outras Palavras)

Por Boaventura de Sousa Santos | Imagem: Edward Hooper, Pessoas ao sol (1963)

A dominação social, política e cultural é sempre o resultado de uma distribuição desigual do poder, nos termos da qual quem não tem poder ou tem menos poder vê as suas expectativas de vida limitadas ou destruídas por quem tem mais poder. Tal limitação ou destruição manifesta-se de várias formas, da discriminação à exclusão, da marginalização à liquidação física, psíquica ou cultural, da demonização à invisibilização. Todas esta formas podem-se reduzir a uma só – opressão. Quanto mais desigual é a distribuição do poder, maior é a opressão.
Link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *