Com a adesão de algumas
categorias do transporte público à greve geral, o que acontece com quem chega
atrasado ao trabalho por falta ou por causa da paralisação? Pela lei, o patrão
pode sim descontar o dia do salário dos trabalhadores.

Para especialistas em direito trabalhista, se ocorrer
o desconto, a decisão muito provavelmente vai ser revertida pela Justiça. Só
que a falta não pode ser razão de demissão por justa causa ou até mesmo
advertência. Leia mais 

Fonte: UOL Notícias
Este texto
foi retirado da fonte acima citada, cabendo à ela os créditos pelo mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *