Na guerra contra o “danado” do mosquito Aedes aegypti, que “é tímido, mas gosta das extremidades”, as mulheres se protegem menos que os homens, porque “ficam com as pernas de fora”. “E quando usam calça, usam sandália”

As expressões acima fazem parte do repertório de observações e conselhos do atual ministro da Saúde, o médico psiquiatra e deputado federal licenciado Marcelo Castro, desgastado no governo por causa de suas declarações.

Nesta segunda-feira (25), ele gerou insatisfação novamente no Planalto ao afirmar que o Brasil estava perdendo “feio” no combate ao mosquito transmissor de dengue, zika e chikungunya.

“Nós estamos há três décadas com o mosquito aqui no Brasil e estamos perdendo feio a batalha para o mosquito”, afirmou, ao lembrar que o país registrou recorde de casos de dengue em 2015, com mais de 1,6 milhão de casos. 

Leia a matéria completa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *