Índia pode se tornar a nova China para o Brasil.

Deixe uma resposta